Cameron Gray, Fuja do destino, Carta morta Disputa de circo Arte única

Um artista australiano está furioso depois que uma grande banda de rock dos EUA revelou a capa de um single que era quase idêntico à arte que ele produziu para uma banda australiana.

Em 2010, a banda Dead Letter Circus de Brisbane lançou o single Cage, com a arte mostrando um homem segurando seu próprio rosto em uma vara enquanto olha para o vazio onde estava seu rosto, que é substituído por barras de gaiola.

Esta semana, a banda de Las Vegas Escape the Fate, e seu selo Big Noise, deram uma prévia do próximo single da banda H8 eu mesmo nas redes sociais.

A arte usada foi semelhante, mostrando o rosto sustentado no que parece ser um bastão com uma gaiola substituindo o rosto.

Fita adesiva sobre os olhos parecia ser a única mudança no tema da imagem.

O artista de Melbourne responsável pela Jaula artwork, Cameron Gray, postou as imagens lado a lado no Facebook e Instagram – com uma resposta contundente.

“Decepcionado ao descobrir hoje que uma grande banda que eu aprecio e admiro há anos roubando minha arte, especialmente depois que eles me abordaram para perguntar sobre a arte do meu álbum”, escreveu ele.

“Sempre mantenho essas coisas privadas, mas esta dói bastante, pois foi uma arte que criei para a Warner Bros e Dead Letter Circus, por quem tenho um profundo amor e respeito, pois me ajudaram a me tornar quem sou hoje.

“E pessoalmente, à medida que envelheci, cansei de proteger o comportamento de merda das pessoas.”

Ao longo de seus 15 anos no ramo, Gray colaborou com gravadoras; Warner Bros Records, Sony Music, Entertainment One, Sumerian Records e Nuclear Blast Records.

Um colaborador frequente do Dead Letter Circus, sua arte também apareceu em capas de livros, animações e mercadorias da banda.

Escape the Fate, e sua gravadora, Big Noise, removeram postagens de mídia social com a obra de arte em questão após uma reação maciça de comentaristas da indústria da música.

“Não vamos medir palavras aqui – Escape The Fate claramente roubou a arte de Cameron Gray que ele originalmente fez para Dead Letter Circus”, escreveu o chefe da publicação musical americana Metal Injection, Greg Kennelty.

O guitarrista do Escape the Fate, TJ Bell, tentou explicar as ações da banda, respondendo aos comentários de Gray no Instagram.

“Tentei entrar em contato para que eu pudesse explicar. Encontrei esta imagem no Google e enviei para a banda e o artista para ser vista APENAS como uma referência”, disse ele.

“Plágio nunca foi a intenção. Esta é uma grande falta de comunicação da nossa parte. Lamentamos que isso tenha acontecido. Tudo foi removido.

Gray disse ao news.com.au que não planeja entrar com uma ação legal, já que as postagens foram removidas.

“Eu não estou querendo prolongá-lo”, disse ele.

“Por enquanto parece que a banda está fazendo a coisa certa e removendo a arte.”

Escape the Fate, que acumulou centenas de milhões de streams no Spotify, está em turnê pela Austrália em abril, com shows em Perth, Adelaide, Melbourne e na cidade natal do Dead Letter Circus, Brisbane.

Big Noise foi contatado para comentar.

Leave a Comment